sexta-feira, 16 de dezembro de 2011

Cientistas anunciam avanço na busca pela bóson de Higgs a “partícula de Deus”

Aconteceu nesta terça-feira, 13, um seminário no Centro Europeu de Pesquisas Nucleares (Cern, na sigla em francês) onde serão discutidos os resultados das pesquisas que tentam encontrar a “partícula de Deus”, ou seja, o “bóson de Higgs” que teria dado origem a todo universo.
O evento começou às 11 horas (horário de Brasília) e dois grupos independentes que trabalham na busca dessa partícula– o Atlas e o CMS – vão apresentar os resultados obtidos até o momento. Os pesquisadores dizem que houve um avanço considerável, mas a partícula ainda não foi encontrada.




“Não há o suficiente para se fazer qualquer afirmação conclusiva sobre a existência ou não-existência do Higgs”, diz a nota do Cern. A partícula se for encontrada, vai comprovar a teoria de como surgiu o Universo e tudo o que nele existe. Eles tentam descobrir porque tudo que existe tem massa e que partícula deu origem a essa massa presente no Sol, nos Planetas, animais, vegetação e em todos os humanos.
O bóson de Higgs, nome dado a uma pesquisa feita por diversos físicos, incluindo Peter Higgs, é um modelo de pesquisa que prevê a existência de um “campo” que interage com tudo que existe no Universo e essa interação faz com que as partículas ganhem massa.
Desde então eles procuram essa partícula invisível e tentam provar que ela existe. Caso não seja possível à ciência terá que encontrar novas formas de explicar a Origem do Universo.



Nenhum comentário:

Postar um comentário